BNDES apoia projeto para modernizar instalação no porto do Rio


O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) apoiará a Triunfo Logística na modernização das instalações portuárias de que a empresa é arrendatária na Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ). O projeto, financiado em R$ 120,7 milhões pelo BNDES, prevê a recuperação de área subterrânea ao píer no antigo Armazém 30 do cais do porto, obras de remediação ambiental para reparar o desgaste natural em três galerias pluviais, construção de quatro estruturas (chamadas de dolfins) para receber embarcações no terminal siderúrgico do porto, aquisição de guindastes para carga e descarga rápidas, além da modernização da infraestrutura do terminal e reforma de equipamentos.


Os investimentos ocorrerão até 2026 e são uma contrapartida à renovação do contrato de arrendamento antecipado da empresa com a companhia Docas, cuja vigência agora encerra-se no ano de 2037. O projeto prevê ainda a criação de 100 postos de trabalho durante sua implantação. Além disso, a expectativa é de que os investimentos resultem em aumento da segurança, agilidade e confiabilidade operacional, indicando, portanto, ganhos de eficiência e produtividade. Como efeitos esperados do projeto, destacam-se a ampliação da área disponível para armazenagem de carga e o incremento na quantidade anual movimentada de ferro gusa, a principal carga daquelas instalações. 


No ano de 2019, o Porto do Rio de Janeiro movimentou um total de 7,42 milhões de toneladas na área pública, o que corresponde a um crescimento de 19% em relação a 2018. A Triunfo Logística movimentou 2,4 milhões de toneladas no período, o que corresponde a 32% do total. As principais cargas movimentadas pela empresa são siderúrgicas, dentre as quais se destacam o ferro gusa — com 1,4 milhão de toneladas no ano passado — e mercadorias como tubos, bobinas de aço e chapas.


Com 35 anos de expertise, a Triunfo é uma empresa de capital nacional e controla uma área concessionada e alfandegada de aproximadamente 50 mil m2 no Porto Organizado do Rio de Janeiro, onde opera mais de 2,5 mil metros de cais. Além do de estocagem, manuseio, embarque e desembarque de cargas, a empresa fornece soluções de engenharia e logística para o segmento de óleo e gás, prestando serviço às atividades offshore de exploração e produção de petróleo, por meio de uma das maiores bases do tipo no país. 


O porto – Décimo maior do Brasil, o porto do Rio representa 4% da carga movimentada no País. Sua relevância aumenta quando analisada a carga transportada por valor agregado, em que figura como terceiro maior. Administrado pela Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ), o porto conta com 10 terminais e área operacional de 1 milhão de m2. A Triunfo opera no Terminal de Produtos Siderúrgicos de São Cristóvão (TSC), de que é arrendatária.

4 visualizações

Foz do Iguaçu - Paraná

©2021 por Portal Fronteiras. Orgulhosamente criado e desenvolvido por Agência Ludkus.