Atendimento domiciliar garante o acompanhamento seguro e humanizado a pacientes com a Covid-19


O programa, desenvolvido pela Prefeitura e Fundação Municipal de Saúde, atendeu mais de 300 idosos e pessoas com comorbidades em dois meses


Entre janeiro e fevereiro, o Programa de Atendimento Domiciliar Covid-19 realizou mais de 316 visitas a idosos ou pessoas com comorbidades em Foz do Iguaçu. Foram 112 atendimentos no primeiro mês e 153 em fevereiro, além de 54 pacientes extras, que não estavam cadastrados, mas receberam atendimento por estar na mesma residência.


O programa, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde e a Fundação Municipal de Saúde, oferta desde aplicações de medicamentos, realização de exames e habilitação intensiva aos pacientes que estão em isolamento social. O objetivo, conforme explicou o médico e coordenador do programa, Ulisses Figueiredo, é acompanhar as pessoas dos grupos de risco para que elas não desenvolvam a forma grave da doença.


O monitoramento é feito diariamente com testes de glicemia, oximetria, freqüência cardíaca respiratória, aferição de pressão e também exercícios respiratórios. Atuam no programa médicos, fisioterapeutas, enfermeiros e técnicos de enfermagem.


“Se a gente conseguir combater a febre, o vômito ou a diarreia, o próprio organismo estrutura uma resposta imunológica contra o vírus. Nós conseguimos cuidar da dieta, da hidratação deste paciente, para ele próprio conseguir combater o vírus”, explicou o médico e coordenador da iniciativa.


O Programa de Atendimento Domiciliar foi criado no dia 4 de janeiro pela Prefeitura de Foz do Iguaçu, que já previa um aumento no número de casos da Covid-19 em razão das festas de final de ano. “Pensou-se em um atendimento mais próximo da população, em pacientes idosos ou com doenças crônicas, que geralmente desenvolvem a forma grave da doença ou têm um índice de mortalidade mais alto”.


A iniciativa reduz ou evita a permanência dos pacientes nos hospitais ou UPAs (Unidades de Pronto Atendimento), garantindo acompanhamento seguro e humanizado com mais comodidade. Desta forma, o serviço da saúde mantém o foco para os casos graves da doença e pacientes que necessitam de internação.


Plantão Coronavírus


A porta de entrada para o atendimento domiciliar é o Plantão Coronavírus, pelo qual a pessoa deve fazer o primeiro contato via telefone: 0800 645 5655 ou 35211800 (ligação ou whatsapp).


Link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia-47528

1 visualização0 comentário

Foz do Iguaçu - Paraná

©2021 por Portal Fronteiras. Orgulhosamente criado e desenvolvido por Agência Ludkus.