𝐏𝐀𝐔𝐋𝐎 𝐄 𝐁𝐈𝐁𝐈𝐀𝐍𝐀 𝐒Ã𝐎 𝐑𝐄𝐂𝐄𝐁𝐈𝐃𝐎𝐒 𝐂𝐎𝐌 𝐀𝐋𝐄𝐆𝐑𝐈𝐀 𝐍𝐀 𝐕𝐈𝐋𝐀 𝐏𝐎𝐑𝐓𝐄


Empresários e consumidores aproveitaram a oportunidade para expor suas necessidades e demonstrar apoio à candidatura


Com todas as regras de segurança que o momento exige, o candidato a prefeito da Coligação Quem Ama Cuida, Paulo Mac Donald e a vice Bibiana Orsi, fizeram uma caminhada na Vila Portes na manhã do último sábado. Muitos apoiadores e candidatos a vereador acompanharam a dupla, que foi recebida em diversos estabelecimentos comerciais e abordada por centenas de iguaçuenses que transitavam pelo famoso centro comercial da cidade.

Além das muitas palavras de apoio que os candidatos receberam, também ouviram dos empresários e consumidores que as coisas não vão muito bem por lá, principalmente nos quesitos trânsito e segurança. Outra questão é a necessidade de reabertura da Ponte da Amizade visto que muitos paraguaios são clientes do comércio da Vila Portes. Paulo reforçou que já vivenciou fechamento da Ponte e com diálogo entre os dois lados aconteceu a reabertura para continuidade das atividades fundamentais para os municípios de fronteira.

Em relação ao atual momento de pandemia que resultou no fechamento, após entendimentos, há expectativa para reabertura nessa semana. Bibiana Orsi aproveitou para informar que no momento da presença do Presidente Bolsonaro em Foz, no final de agosto, solicitou que avaliasse a importância de em comum acordo com o Paraguai abrir a fronteira.


Desburocratização - Na caminhada pela Vila Portes, Paulo aproveitou para detalhar alguns de seus projetos para a região que, inclusive, contemplam essas necessidades prementes para quem ali vive, trabalha e circula. Disse que em sua nova gestão pretende priorizar a implementação de ferramentas para ativar a eficiência no serviço público, com inovação e tecnologia. “Vamos usar o que a tecnologia tem de mais avançado para simplificar e agilizar os processos para os cidadãos e também dos comerciantes. A burocracia emperra abertura de empresas, alvarás de construções e reformas e uma série de atividades cotidianas que afetam a todos”, enumerou.

Esse apoio aos lojistas também deve redundar na geração de novos postos de trabalho, uma necessidade em tempos de pandemia, quando milhares de pessoas perderam seus empregos formais e fontes de renda informais.

Segurança – Em áreas de grande concentração de pessoas e comércio intenso é indispensável uma polícia mobilizada e atenta. Para que as pessoas possam circular com tranquilidade e os empresários desenvolvam suas atividades com garantia de segurança Paulo e Bibiana já decidiram pela retomada do serviço integrado e comunitário na segurança pública, unindo as forças policias da fronteira.


Trânsito – A Vila Portes historicamente reúne consumidores do Brasil, Paraguai e Argentina e muitos motoristas estrangeiros desconhecem nossas leis de trânsito. Nos últimos anos o aumento no número de carros circulando aliado a algumas intervenções deixaram o trânsito ainda mais confuso e perigoso naquela região. Para resolver essa situação caótica, Paulo pretende lançar mão da tecnologia existente. São sistema inteligentes e muitos deles gratuitos, que coordenam sinais de trânsito, de acordo com o fluxo de cada via em horários específicos, além da engenharia de trânsito que vai trabalhar para resolver os principais conflitos. O transporte coletivo também será reformulado com redução dos tempos de percurso.

Assistência Social – Porta de entrada de muitos desabrigados, a Vila Portes sofre com essa grave mazela. As ações da Assistência Social serão intensificadas com acolhimento e atendimento multidisciplinar aos desamparados. “A Vila Portes é um centro comercial vibrante e deve ser olhada com toda deferência. No nosso governo ela terá o tratamento que merece, para voltar a atrair consumidores de todos os bairros e cidades da região”, afirmou Paulo.





Assessoria de Imprensa - Coligação Quem Ama Cuida

2 visualizações

Foz do Iguaçu - Paraná

©2021 por Portal Fronteiras. Orgulhosamente criado e desenvolvido por Agência Ludkus.