top of page

Sábado é o Dia “D” do Outubro Rosa nas Unidades Básicas de Saúde


Coleta de preventivo, agendamento de mamografias, atualização vacinal e testes rápidos serão alguns dos serviços ofertados das 9h às 15h


A Secretaria Municipal de Saúde promove neste sábado (15) o “Dia D” da Campanha Outubro Rosa, com ações voltadas à prevenção do câncer de mama e câncer de colo de útero. Neste dia, todas as 29 Unidades Básicas de Saúde (UBS) estarão abertas das 9h às 15h para coletas de exames preventivos (Papanicolau) e agendamentos de mamografias. Haverá também, em algumas unidades, atualização vacinal, testes rápidos para ISTs (infecções sexualmente transmissíveis) e outros serviços.


O Papanicolau será disponibilizado prioritariamente às mulheres na faixa etária dos 25 aos 64 anos, com vida sexual ativa, definida como a população-alvo pelo Ministério da Saúde. Essa faixa etária é justificada por ser a de maior ocorrência das lesões pré-malignas de alto grau, passíveis de serem efetivamente tratadas e não evoluírem para o câncer. Já as mamografias são solicitadas para mulheres a partir dos 40 anos de idade, sem fator de risco para câncer de mama.


O Dia “D” também será marcado por atividades especiais nas unidades de saúde, que organizam cafés da manhã e da tarde, palestras e rodas de conversa com mulheres. Na UBS do Jardim Jupira, estão programadas uma aula de ritmos pela manhã e um curso de automaquiagem ao longo do dia; no Morumbi III, AKLP e no Porto Belo haverá sorteio de brindes; na UBS da Vila Adriana palestras e depoimentos sobre o câncer de mama integram a programação. Os profissionais da saúde também farão a distribuição de materiais orientativos sobre autoexame de mama.


“Durante todo o mês de outubro, as unidades de saúde intensificam o atendimento às mulheres, mas o ‘Dia D’ é uma oportunidade para aquelas que não conseguem buscar o serviço durante a semana. A campanha vem para conscientizar sobre as doenças, mas também para ampliar o acesso aos serviços de diagnóstico, contribuindo para a redução da mortalidade”, destacou a secretária de saúde, Jaqueline Tontini.


De acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer), para este ano são estimados 66.280 novos casos no país, o que representa uma taxa ajustada de incidência de 43,74 casos por 100 mil mulheres, com os maiores índices nas regiões Sul e Sudeste. Em 2021, foram 53 mil novos casos de câncer de mama no Brasil. Em Foz do Iguaçu, foram 106 novos casos diagnosticados no ano passado.


Link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia.php?id=50999

0 visualização0 comentário

Comentários


bottom of page