Prefeito de Foz do Iguaçu assina ordem de serviço para construção estrutural da pista de arrancada



Complexo multiuso será construído próximo a prainha de Três Lagoas e deve impulsionar o turismo esportivo na cidade

O prefeito Chico Brasileiro assinou nesta segunda-feira (12) a ordem de serviço para a primeira etapa das obras do Complexo Esportivo Multiuso da Pista de Arrancada de Foz do Iguaçu, que será construído na Avenida João Riccieri Maran com a Avenida Inácio Reuter Sottomaior, na região de Três Lagoas.


Reivindicação antiga dos iguaçuenses e dos clubes de automobilismo, a construção deve impulsionar o turismo esportivo na cidade e contribuir com o desenvolvimento da cidade no pós-pandemia. “Foz já é palco de grandes eventos, e sabemos que com esse novo complexo poderemos atrair provas de automobilismo de nível nacional e internacional. O espaço também poderá ser utilizado para grandes shows, feiras e outros eventos”, disse o chefe do executivo.


As obras serão divididas em três etapas e terão investimento aproximado de R$ 3 milhões. Nesta primeira etapa, será feita a terraplanagem e o fechamento do terreno, com muros de arrimo, alambrados e portões de acesso. O valor da construção será de R$ 783 mil.


Na etapa seguinte serão construídos os banheiros, vestiários, alojamentos, ambulatório e quadra de areia, com valor máximo de R$ 2,4 milhões. O processo licitatório deve ser lançado ainda esta semana.


Na fase três, haverá a construção da pista e estacionamento, iluminação, construção dos boxes e arquibancadas, bem como a rede de drenagem, calçadas, paisagismo e outros serviços. Esta etapa está em fase de elaboração de projetos técnicos e planilhamento orçamentário. A Federação Paranaense de Automobilismo fará o acompanhamento da construção para garantir o cumprimento de todas as normas técnicas.


“Há muitos anos a população de Foz do Iguaçu reivindica a construção da pista de arrancada, que incentivará o esporte motor com segurança aos adeptos da atividade. Este empreendimento movimentará a economia da cidade em todos os seus aspectos, principalmente o turismo esportivo”, disse o Jornalista Erdiley de Oliveira, o "Oliveirinha", idealizador do Velofoz.


A construção da pista de arrancada será possível devido à destinação de emendas parlamentares de deputados federais, estaduais e vereadores, com o apoio da Prefeitura de Foz do Iguaçu.


"O sonho de uma pista de arrancada em Foz do Iguaçu vem desde a década de 90, quando pilotos como Dirceu Coimbra Neto (in memoriam) levavam o nome de nossa cidade, participando e conquistando títulos nas principais pistas do país", disse o diretor de imprensa e eventos da Automóvel Clube, Roberto Mafra.


"Nós lutamos há pelo menos 22 anos por este momento, que é resultado do empenho de pilotos, preparadores, mecânicos, diretores de prova e todos os amantes do esporte-motor iguaçuense. Nós, ao lado do Oliveirinha, apenas somos uma parte dessa engrenagem chamada esporte-motor iguaçuense, que tantas vitórias trouxe para nossa cidade", complementou Mafra.


Presenças


Participaram do ato de assinatura o vice-prefeito de Foz do Iguaçu, delegado Francisco Sampaio; o secretário municipal de obras, Cezar Furlan; o presidente da Câmara de Vereadores, Ney Patrício; os vereadores Maninho e Anice Gazzaoui, e o vice-presidente da Federação Paranaense de Automobilismo, Bento Tino Cesca.


Link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia-47712

7 visualizações0 comentário