O ESTADO A CAMINHO DO COLAPSO



ARRECADAÇÃO QUE SUSTENTA O ESTADO

a) Há 32 anos (em 1988), ano da promulgação da atual Constituição, a carga tributária era de 22,4% do PIB, e hoje, em 2020 atinge 37,19% das riquezas produzidas no Brasil. b) 50% de tudo que o Estado (União, Estados e Municípios) arrecada é proveniente do consumo (uma das maiores do Planeta), isto significa que de cada R$100,00 (cem reais) que entra nos cofres públicos, R$50,00 (cinquenta reais) vem do imposto sobre o consumo. c) 50% desta arrecadação são consumidas pelos 12 milhões de Servidores ativos do Estado (União, Estados e Municípios). d) 47% da arrecadação são consumidas pelas Aposentadorias, Juros da divida pública e custeio da maquina pública. e) 3% são o que sobram de uma das mais injusta e predatória carga tributária do Planeta.


REVELAÇÕES

A crise sanitária, econômica e institucional que agora vivemos mostrou que: a) 75% da população economicamente ativa (70 milhões de pessoas) estavam INVISÍVEIS, surpreendendo os VISÍVEIS que comandam o ESTADO; b) Os INVISÍVEIS tiveram que abruptamente reduzir sua mobilidade em razão das medidas tomadas pelos VISÍVEIS que comando o ESTADO no combate a PANDEMIA; c) A labuta dos INVISÍVEIS no seu cotidiano servia única e exclusivamente para o seu sustento e de seus dependentes; d) Os INVISÍVEIS são CONSUMIDORES, principais responsáveis pela ARRECADAÇÃO que sustenta os VISÍVEIS que comandam o ESTADO.


CONSEQUÊNCIAS

a) A redução da mobilidade dos INVISÍVEIS fará a ARRECADAÇÃO cair abruptamente nos próximos meses, cuja recuperação será lenta se estendendo por anos até voltar a uma questionável normalidade. b) Os VISÍVEIS que comandam o ESTADO, ainda em plena vigência da PANDEMIA, repousando em suas moradas com a geladeira cheia e seus polpudos salários rigorosamente em dia, acham que estão imunes e ignoram de forma COVARDE os efeitos da crise, mais não terão outra saída, vão ter que reduzir profundamente seus custos em razão da vertiginosa queda da ARRECADAÇÃO.


CONCLUSÃO

Os visíveis que comandam o Estado a) São os únicos responsáveis pela tragédia humanitária que assola a NAÇÃO, desrespeitaram as regras de combate a PANDEMIA colocando o País no Epicentro da contaminação do vírus. b) Suas ações e comportamentos revelam o quanto são MEDÍOCRES e DESPREPARADOS, criando uma chamada CRISE INSTITUCIONAL (briga entre os poderes) totalmente desconexa com a Realidade. c) Cotidianamente com seus arroubos demostram devoção a um ESTADO DE DIREITO DEMOCRÁTICO, que só serve para eles, esquecem que os INVISÍVEIS nem sabem o que isto significa. d) Suas brigas, disputas, intrigas, denuncias só servem para alimentar seus egos e uma mídia sustentada pelos recursos (impostos) que eles administram. e) Estão colocando o País numa rota de isolamento, nunca vista ou relatada desde o descobrimento, às barreiras sanitárias serão rígidas, tanto terrestres com os vizinhos do MERCOSUL, como as aéreas de outros cantos do Planeta.


"Estes arrogantes, insensíveis e medíocres Comandantes do Estado Brasileiro deixaram um legado que envergonhará as Futuras Gerações. a história não os perdoará do terrível momento que estão passando a maioria dos INOCENTES desta rica NAÇÃO"



Luiz Carlos Kossar

Professor, Matemático, Físico, Sociólogo, Gestor Técnico do Meio Urbano, idealizador e executor do projeto "Cadastro Social"


9 visualizações

Foz do Iguaçu - Paraná

©2021 por Portal Fronteiras. Orgulhosamente criado e desenvolvido por Agência Ludkus.