Globo ataca de todos os lados porque Bolsonaro cortou drasticamente a verba publicitária da emissora


Não é de hoje que o grupo Globo vem atacando diuturnamente o presidente Jair Bolsonaro. O que vem acontecendo também não teve início após as eleições 2018. Já faz uns anos que a emissora dos Marinhos segue apontando todas as munições em Bolsonaro. Sabemos que as motivações vão desde questões culturais à ideologias políticas. Contudo, caro leitor, o que tem feito a Globo ‘tremer na base’ é justamente o corte milionário que o governo Jair Bolsonaro vem realizando contra o grupo. Por muitos e muitos anos a emissora foi a ‘queridinha das verbas publicitárias’ dos governos anteriores. Segundo um levantamento recente, o presidente Jair Bolsonaro cumpriu a promessa de reduzir os investimentos publicitários com propaganda oficial na TV Globo. A redução de 2018, o último ano de mandato de Michel Temer, para 2019, o primeiro ano de mandato do presidente, foi de aproximadamente 60%. O veículo foi o que mais perdeu. Se em 2018, no governo Temer, recebeu 39% da verba governamental, em 2019 ficou com somente 16%. No final do ano passado, durante uma live, Bolsonaro relembrou que foi promessa de campanha: “Acabou essa mamata, não tem dinheiro público para vocês, acabou a teta”. Que a verdade seja dita: a Globo que voltar aos tempos da ‘mamata’ e reage como bebê birrento. O compromisso não é com a verdade. O compromisso não é com a população brasileira.

16 visualizações

Foz do Iguaçu - Paraná

©2021 por Portal Fronteiras. Orgulhosamente criado e desenvolvido por Agência Ludkus.