Exposição na Biblioteca Municipal homenageia mulheres fazedoras de cultura em Foz do Iguaçu


A mostra, que inicia nesta segunda-feira (21) e segue até o dia 21 de julho, pode ser visitada de forma presencial ou virtual


A partir desta segunda-feira (21) é possível visitar, de forma virtual ou presencial, uma exposição em homenagem às mulheres da cultura de Foz do Iguaçu. A ação faz parte da comemoração do aniversário dos 107 anos de Foz do Iguaçu, celebrado no dia 10 de junho.


A mostra foi organizada pela Secretaria de Direitos Humanos juntamente com a Biblioteca Municipal Elfrida Engel Nunes Rios e a Fundação Cultural. O objetivo é valorizar mulheres da cidade que dedicam à vida à música, ao artesanato, à comunicação e à escrita.


A diretora cultural da Fundação Cultural, Thaisa Praxedes, comentou sobre a dificuldade em selecionar apenas alguns artistas, em meio a tantas pessoas que contribuem com a cultura em Foz do Iguaçu. “O anseio por homenagear os fazedores de cultura do município, contemplando artistas e mestres dos saberes populares, é uma inquietação constante e complexa. São inúmeras pessoas que abrilhantam o cenário cultural e selecionar nunca é tarefa fácil. Nesta ação conjunta resolvemos iniciar o recorte com a homenagem a algumas mulheres.”


Foram homenageadas produtoras artísticas, escritoras, artesãs, cantoras, entre outras artes. “São algumas que representam as tantas valentes, talentosas e aguerridas mulheres de Foz do Iguaçu. Esperamos, com esta iniciativa, que os moradores de Foz conheçam um pouco mais de algumas fazedoras de cultura do município".


A exposição terá duração de um mês do dia 21 de junho a 21 de julho. A visitação pode ser feita presencialmente na Biblioteca Municipal Elfrida, anexa ao prédio da Fundação Cultural, das 8h às 14h, ou virtualmente na página da Fundação Cultural (https://bit.ly/3xDc9z3).


Confira a lista das mulheres homenageadas:


  • Adriana Gomes - produtora artística e coreógrafa;

  • Carmen Barudi - escritora e produtora cultural;

  • Daniela Valiente - jornalista e artesã;

  • Emanuelle do Carmo Cândido - cantora;

  • Graça Paura - música, cantora e percussionista;

  • Izabela Fernandes Eurbela - trabalha com cultura popular de matriz africana, como pesquisadora, produtora e arte-educadora;

  • Lhaisa Andria - escritora, oficinas literárias e editoriais;

  • Maria Estela de Souza Pinto, a “Estela Rodrigues” - cantora, apresentadora e locutora de rádio;

  • Mirá Rocha - coordenadora de projetos da Casa do Teatro e diretora do Centro de Cultura Popular;

  • Railaine Santos - cantora, percussionista e cavaquinista;

  • Sandra Mara - professora de dança;

  • Shadia Scherer - trabalha com aulas e shows de dança do ventre e folclore árabe;

  • Sueli da Costa, a “Luanna da Costa” - cantora profissional;

  • Valentina Rocha Virginio - atriz, professora da rede municipal e arte educadora.


Link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia-48123

0 visualização0 comentário