top of page

Estudantes do curso de Ciência da Computação da Unioeste – Foz do Iguaçu iniciam estágio com startup


O estágio será desenvolvido de forma remota, com duração de quatro meses


Os estudantes Victor Emanuel Almeida e Gustavo Gonçalves Queiroz do curso de Ciência da Computação da Unioeste – Campus Foz do Iguaçu iniciaram o estágio extracurricular com a startup Traact sediada na Califórnia/USA. A parceria foi realizada com o intermédio do Engenheiro de Software e egresso do curso, Wellinthon Meurer Ronfim e o Professor Antonio Marcos M. Hachisuca (Shiro).


O estágio surgiu a partir da participação do egresso da turma no projeto de extensão “Por onde anda você? Interagindo com egressos”. O programa de estágio extracurricular será desenvolvido de forma remota, com duração de quatro meses dependendo dos interesses dos alunos e da empresa. Os estagiários receberam uma bolsa de US$ 200 – US$ 250 dólares por mês e terão a oportunidade de trabalhar em um ambiente de Startup internacional de ritmo acelerado e aprendizagem contínua.


O estudante Gustavo Gonçalves Queiroz comenta que está animado por ter sido selecionado para o estágio. “Estamos fazendo história, por ser a primeira instância de estágio internacional do curso de Ciências da Computação da Unioeste. Acredito que vai ser uma experiência única de aprendizado pessoal e profissional. Ao mesmo tempo, é uma imensa responsabilidade que estamos tendo”, diz Queiroz.


Para Victor Emanuel Almeida, o período de estágio vem sendo uma boa experiência e com bastante aprendizado. “Foi passado um projeto para pesquisar usuários no GitHub – Plataforma de hospedagem de código-fonte e arquivos, que permite que programadores ou qualquer usuário contribua em projetos privados em qualquer lugar do mundo – está sendo desafiador realizar o trabalho”, comenta o estudante.


Para a Professora e Coordenadora da disciplina de Estágio Supervisionado do curso de Ciências da Computação, Eliane Nascimento Pereira, a expectativa é dar continuidade a abertura de novas vagas de estágios internacionais para os alunos do curso. “Contando com o auxílio de egressos que estão atuando no exterior, fazendo, também, com que tenhamos uma aproximação dos egressos com o curso de Ciências da Computação”, enfatiza a professora.


O supervisor técnico do estágio, Wellinthon Meurer Ronfim, comenta que os estagiários trabalharão em um projeto novo da empresa, onde terão a oportunidade de participar de cada etapa do desenvolvimento do software, desde o design do sistema à implementação. “Nesse primeiro momento, o foco é se familiarizar com a proposta da empresa e estabelecer um escopo realístico para a entrega do software. Nossa expectativa é que os estagiários consigam extrair o máximo de conhecimento e experiência para estarem mais bem preparados para entrar no mercado de trabalho”, comenta o supervisor.


A Startup Traact é uma plataforma de operações jurídicas que ajuda as equipes enxutas a reduzir o tempo gasto e as despesas, rastreando e automatizando partes do fluxo de trabalho jurídico. A empresa permite colaboração em tempo real para participantes em diferentes departamentos, divisões e geografias, tanto dentro e fora da organização.

9 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page