Começa mais uma edição do Congresso Latino-Americano de Software Livre


Mais de 2.000 participantes e mais de 45 caravanas de todo o Brasil, Paraguai e Argentina conectados ao universo da tecnologia da informação e do software livre participam do evento.

Apresentando as principais novidades em software e hardware livre do mundo, a 19ª edição do Congresso Latino-Americano de Software Livre e Tecnologias Abertas, o Latinoware 2022, teve início nesta quarta-feira (02), em Foz do Iguaçu. O evento, organizado pela Itaipu Binacional e pelo Parque Tecnológico Itaipu – Brasil (PTI-BR), recebeu a inscrição de mais de 2.000 participantes e mais de 45 caravanas de todo o Brasil, Paraguai e Argentina.


A programação do congresso segue até sexta-feira (04) e contempla mais de 300 atividades, com cerca de 400 horas de palestras, minicursos e workshops ligados ao universo da tecnologia da informação e da comunicação.


O Latinoware 2022 reúne especialistas, estudantes, usuários, pesquisadores, representantes governamentais e da iniciativa privada interessados na discussão e troca de conhecimento sobre a evolução das tecnologias abertas e suas aplicações e, principalmente, sobre a utilização das ferramentas livres em países latino-americanos.


Considerado um dos maiores e mais importantes eventos do gênero no mundo, a programação dos três dias do congresso conta com temas sobre desenvolvimento de sistemas; soluções tecnológicas de inteligência artificial; robótica; automação, empreendedorismo e negócios; impressoras 3D; educação criativa; internet das coisas e segurança; privacidade na internet, entre outros.

Abertura do evento

Abertura oficial evento ocorreu na tarde desta quarta-feira (02) e contou com as boas-vindas do diretor técnico executivo brasileiro da Itaipu Binacional, David Rodrigues Krug, diretor superintendente do Parque Tecnológico Itaipu – Brasil (PTI-BR), general Eduardo Garrido e do palestrante e diretor presidente Linux Professional Institute, Jon Maddog Hall, um dos maiores entusiastas do software livre no mundo.


Para o diretor técnico executivo brasileiro da Itaipu Binacional, David Rodrigues Krug, os dois últimos anos demonstraram a necessidade de aceleração da transformação digital e o potencial do congresso. “Com o Latinoware ajudamos a construir esse futuro. Já são mais de 20 anos que falamos sobre software livre na Itaipu Binacional e continuamos discutindo esse tema e falando sobre o mercado de trabalho. Para a Itaipu Binacional é uma satisfação estar fomentando esse debate que é tão importante para o desenvolvimento dos países do Conesul nessa questão tecnológica. Desejo um bom evento a todos”, afirmou.

O diretor superintendente do PTI-BR, general Eduardo Garrido, destacou a importância de evento para o mercado tecnológico e afirmou que nas 18 edições anteriores o congresso reuniu mais de 60 mil participantes e mais de 2.700 palestrantes. “O Latinoware permite que a gente possa cada vez mais estar integrando os nossos jovens, trocando experiências, conhecimentos e isso é extremamente motivador. Após dois anos sem a presença física, podemos nessa edição ter a oportunidade de receber todos esses jovens para compartilhar conhecimentos e desenvolver soluções”, disse.

Saiba mais sobre o Latinoware

A proposta do Latinoware é difundir e incentivar o desenvolvimento e a adoção da tecnologia livre nos países da América Latina, além de promover a integração cultural, econômica e tecnológica. Realizado desde 2004, o evento acompanhou a verdadeira revolução do software livre no brasil e no mundo.


Além de palestras, o congresso conta ainda com eventos paralelos, entre eles o Latin Science, que contará com a apresentação de 29 trabalhos, no Espaço Peru, durante a quinta-feira (03) e o Hackathon que tem como objetivo desenvolver soluções de base tecnológica (software ou hardware). O tema desse ano será “Soluções inovadoras para o avanço da educação 5.0" e os prêmios serão: R$ 3 mil (1º colocado) R$ 2 mil (2º colocado) e R$ 1 mil (3º colocado).


O evento também conta com o apoio de diversas empresas, instituições e comunidades, que oferecem divulgação, oficinas, profissionais que participam do evento e palestrantes. A grade de patrocinadores desta edição de 2022 é formada pela Academia de Forense Digital (AFD), OnlyOffice e E.Tech Brasil.

Para saber mais sobre a programação e sobre como participar do congresso basta acessar o site: https://latinoware.org.

5 visualizações0 comentário