Codefoz elege nova diretoria com o empresário Felipe Gonzalez como presidente


O coronel Jorge Áureo foi eleito vice-presidente; e Rodiney Alamini, secretário do conselho de desenvolvimento.

O Codefoz (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Foz do Iguaçu) elegeu a nova diretoria, por videoconferência, nessa sexta-feira, 19. A mesa diretora foi escolhida por aclamação, formada por Felipe Gonzalez, presidente; coronel Jorge Áureo, vice-presidente; e Rodiney Alamini, secretário. Participaram da eleição representantes da sociedade civil, setor empresarial e poder público com assento no colegiado. Secretários municipais, vereadores, dirigentes de instituições municipais, estaduais e federais e de conselhos de políticas públicas também prestigiaram a sessão, reiterando o apoio ao Codefoz para iniciativas e projetos de desenvolvimento. Felipe Gonzalez ocupava a função de vice-presidente e substitui Mario Camargo, que presidiu o órgão por dois mandatos. Em sua explanação à plenária, Felipe reforçou o papel aglutinador do Codefoz na discussão de pautas para o crescimento do município e adiantou que o trabalho da nova diretoria será de prosseguimento. “O foco dessa gestão será a continuidade das ações que já vêm sendo trabalhadas”, frisou. “Queremos dialogar bastante com as autoridades públicas e atuar sem fazer distinção de segmentos, olhando para o comércio, o turismo, a logística, a indústria e outros setores. Somos todos Foz do Iguaçu”, pontuou. Ao ser empossado, destacou as grandes obras como a segunda ponte entre Brasil e Paraguai, Perimetral Leste, ampliação do aeroporto e duplicação da Rodovia das Cataratas. “Assim, podemos olhar mais atentamente para a nossa cidade, que deve ser mais turística e mais desenvolvida para seus moradores”, afirmou Felipe. “Codefoz é patrimônio de Foz do Iguaçu” Presidente do Conselho Superior da ACIFI, Walter Venson ratificou a parceria com a entidade. “O Codefoz já tem a sua ‘casa’ física no Centro Integrado de Desenvolvimento, junto com outros órgãos que fomentam o crescimento da nossa cidade. Seguiremos com esta parceria e apoio para que o conselho continue a se fortalecer”, expôs. Eleito vice-presidente do colegiado, o coronel Jorge Áureo, que também é assessor especial da direção-geral brasileira da Itaipu Binacional, enalteceu o papel da entidade e de seus colaboradores. “O Codefoz é um patrimônio de Foz do Iguaçu e seus membros são voluntários que deixam suas atividades para colaborar com a cidade”, enfatizou. Resgate da trajetória e agradecimento Na plenária, Mario Camargo detalhou um balanço de realizações do conselho e elencou as ações em andamento. O ex-presidente do Codefoz resgatou o esforço para a implantação e a consolidação do órgão nos últimos anos, reconhecendo e valorizando a contribuição deixada por todos que passaram pela entidade. “O Codefoz é reconhecido e respeitado como o espaço para discussão dos grandes projetos de Foz do Iguaçu devido à dedicação de muita gente, desde que a entidade foi criada”, lembrou. “Só tenho a agradecer a essas pessoas e também a diversas instituições, entre elas prefeitura, Itaipu Binacional e ACIFI”, sublinhou. Ganhos para a cidade O prefeito Chico Brasileiro (PSD) afirmou que a prestação de contas apresentada durante a plenária é a demonstração de quanto Foz do Iguaçu ganhou com a atuação do conselho. “O Codefoz foi muito presente e eu diria até muito insistente em várias causas em que a cidade teve vitória”, ponderou. O gestor municipal renovou o compromisso de manter a parceria com o conselho e citou a união. “Nossa certeza é que iremos trabalhar em conjunto por um projeto de cidade no qual todos estejam incluídos e afinados em torno do objetivo de construir uma cidade cada vez melhor”, declarou Chico Brasileiro. (Codefoz)


0 visualização0 comentário