top of page

Bailarinos de Foz premiados em festival internacional ganham bolsas de estudos


João Maria Neto e Julia Krul são alunos da escola Duodvant e receberam apoio da Prefeitura para a viagem até Porto Alegre, onde ocorreu o festival de dança


Muito em breve, dois jovens bailarinos levarão o nome de Foz do Iguaçu para os palcos de Dortmund, na Alemanha e da capital do Paraguai, Assunção. João Maria Neto, de 18 anos e Julia Krul, de 16 anos, foram premiados com bolsas de estudos durante a participação no FIDPOA 2023 - Festival Internacional de Dança de Porto Alegre, realizado entre os dias 06 a 11 de junho no Theatro São Pedro, na capital gaúcha.


Os bailarinos são alunos bolsistas da escola de dança Duodvant, que recebeu apoio da Prefeitura, através da Fundação Cultural e Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, para o transporte dos alunos até o evento.


“Para a aprovação nossa escola enviou vídeos onde foram aprovados sete trabalhos. Conquistamos premiações em quatro categorias e ainda dois de nossos alunos conquistaram bolsas de estudos, concorrendo com escolas de todo o Brasil e do exterior”, contou Melissa Martins, diretora da Duodvant.


João Maria tem apenas 18 anos e há sete passou a se dedicar ao ballet. Com participações em diversos festivais e cursos Brasil afora, essa é a primeira vez que ele irá estudar no exterior. “Ainda não sei como será minha ida para Alemanha, mas a certeza que tenho é que eu vou e estou muito feliz com essa conquista. Não tenho palavras para expressar esse sentimento porque é algo que eu trabalhei, estudei e me dediquei durante anos para conseguir e ver isso acontecendo é muito gratificante”, disse.


O bailarino deve embarcar em janeiro de 2024 para uma temporada de três meses em Dortmund, cidade na região de Renânia do Norte-Vestfália da Alemanha, bastante conhecida pelo estádio Westfalen, da equipe de futebol do Borussia.


Já a bailarina Julia Krul, recebeu uma bolsa de estudos para Assunção, capital do Paraguai. As informações sobre a viagem ainda estão sendo definidas. Para ela, a conquista é resultado do esforço e da dedicação ao Ballet nos últimos anos.


Julia iniciou na dança com apenas 3 anos de idade e agora, aos 16, já é uma bailarina profissional. “Participar do Festival Internacional em Porto Alegre foi transformador, uma das melhores experiências que tive na vida ao dançar num teatro com mais de 150 anos de história e por onde já passaram inúmeros bailarinos”, contou.


“Receber essa oportunidade da bolsa de estudos mostra que eu consegui transmitir a minha arte e fazer com que as pessoas sentissem isso. Porque o ballet não é só um esporte, ele é arte, história e música, algo que provoca emoção tanto em quem faz, quanto em quem recebe. Poder transmitir isso me motiva cada dia mais. Estou muito feliz com a oportunidade. É um aprendizado que nunca ninguém vai tirar da gente”, disse Julia.


No próximo mês, a escola participará de um novo festival em Curitiba, também com apoio da Prefeitura de Foz para o transporte.


https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia.php?id=52223

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page