500 milhões de guaranis, em jóias foram roubadas por "manifestantes"


O confronto entre manifestantes e uniformes registrado nesta quarta-feira no microcentro de Ciudad del Este, também foi usado pelos vândalos para realizar saques e várias destruições em diferentes instalações comerciais do microcentro Este. Uma joalheria foi a principal vítima de roubos durante o confronto, de onde todas as jóias possíveis foram retiradas depois de forçar as portas de acesso e quebrar várias janelas. "A perda é de 500 milhões de guaraníes, eles não nos deixaram nada. Até a geladeira foi esvaziada", disse Leoncio Olmedo, dono da loja, com lágrimas.


As lojas de roupas localizadas na avenida Pioneros del Este também foram atacadas por pessoas desconhecidas, que apreenderam dinheiro e várias mercadorias, além de telefones celulares, televisões, entre outros itens. Algumas roupas também foram cremadas nas vias públicas. O posto de táxi número 1 também não foi poupado dos bandidos, pois eles também quebraram as janelas e trouxeram televisões, impressoras e dinheiro. Isso foi repetido com as lojas estacionadas nas avenidas Monseñor Rodríguez e San Blas, além das avenidas circundantes.


Fonte: https://www.cdehot.com.py/noticia/ciudad-del-este/g-500-millones-en-joyas-fueron-hurtadas-por-manifestantes

18 visualizações

Foz do Iguaçu - Paraná

©2021 por Portal Fronteiras. Orgulhosamente criado e desenvolvido por Agência Ludkus.